A Biblioteca Pública como um empório de ideias: evidências do seu lugar na sociedade contemporânea

Bruna Lessa, Henriette Ferreira Gomes

Resumo


Estudo crítico da literatura da área da Biblioteconomia. Ciência da Informação e Sociologia para reflexão do papel social da biblioteca pública na contemporaneidade, com o objetivo de identificar e analisar sua função de mediadora cultural e da informação. Ao refletir sobre a mediação cultural, suas implicações sociais e conceituais, situa a biblioteca pública como espaço social dessa ação ao realizar a mediação da informação. Discutindo as possibilidades de atuação da biblioteca pública, aponta seu potencial transformador ao representar um espaço de encontro e de diálogo em meio a diversidade cultural e de dispositivos tecnológicos, que diversificam o modo de produção e circulação dos bens culturais, passando a se caracterizar como uma espécie de “empório de ideias”, que também deve permitir o conforto da permanência do usuário. Conclui que a biblioteca pública na atualidade é convidada a repensar sua atuação enquanto espaço de mediação da informação que tanto preserva a memória social quanto oferece as condições para a criatividade e produção cultural, assegurando que o respeito à diferença seja o motor do protagonismo social e do respeito e exercício da cidadania.


Palavras-chave


Biblioteca pública – Mediação da informação. Biblioteca pública – Mediação cultural. Biblioteca pública – Função social.

Texto completo:

PDF

Comentários sobre o artigo

Visualizar todos os comentários



Informação & Sociedade: Estudos - ISSN: 1809-4783