Mediação tecnológica da informação no parlamento: estudo de uma assembléia legislativa no contexo brasileiro

Vagner Dalbosco, Angel Freddy Godoy Viera

Resumo


Este artigo sintetiza os resultados da pesquisa que analisou o fluxo de informação no ambiente interno da Assembléia Legislativa de Santa Catarina, com foco no uso de Tecnologias de Informação e Comunicação – TIC para a mediação informacional. O estudo de caráter quantitativo e qualitativo constatou que a instituição carece de uma política integrada e estratégica no sentido de promover a mediação tecnológica da informação em seu ambiente interno, fato este que contribui para a fragmentação de informações e dificuldades quanto à sua recuperação e uso por parte do usuário. Como conseqüência, há uma significativa recorrência dos usuários a recursos informais para suprir suas necessidades de informação, além do uso significativo de fontes e canais humanos e impressos. Conclui-se que a Assembléia Legislativa de Santa Catarina tem um longo caminho a percorrer para alcançar uma gestão mais transparente, participativa e eficaz no que diz respeito à mediação tecnológica da informação inerente aos parlamentos eletrônicos deste início de século XXI.

Palavras-chave


Mediação da informação; Fluxo de informação; Parlamento eletrônico; Assembléia Legislativa de Santa Catarina.

Texto completo:

PDF

Comentários sobre o artigo

Visualizar todos os comentários



Informação & Sociedade: Estudos - ISSN: 1809-4783