A Gestão do Conhecimento aplicada ao setor de Tecnologia da Informação

Fábio Correa, Fabricio Ziviani

Resumo


O aumento do número de sistemas de informação, e suas integrações, tem elevado a complexidade do parque tecnológico organizacional. Uma vez que os processos organizacionais são atividades que envolvem pessoas, procedimentos e tecnologia, o setor de tecnologia da informação deve conhecer a relação entre os elementos pessoas, processos organizacionais e sistemas de informação para melhor gerir o parque tecnológico. A gestão do conhecimento pode ser útil no apoio ao conhecimento destes elementos. Neste contexto, o presente estudo objetiva analisar as práticas de gestão do conhecimento na percepção dos profissionais de tecnologia da informação. Para isto foi proposto um instrumento de pesquisa para identificar a percepção dos profissionais de tecnologia da informação. A pesquisa é caracterizada como descritiva, de abordagem quantitativa. A coleta de dados utiliza instrumento do tipo e-survey, com escala likert de cinco pontos, onde o público-alvo são profissionais de tecnologia da informação, atuantes na cidade de Belo Horizonte-MG. As técnicas de análise constituem em regressões marginais lineares, e análise fatorial. Como resultado conclui-se que os respondentes tendem em concordar com 78% das práticas propostas e, o percentual restante de 22%, os participantes não concordam e nem discordam das fases, sendo importante destacar que nenhuma fase apresenta tendência de discordância pelos respondentes. A percepção dos respondentes, sendo estes pessoas atuantes no setor de TI, fortalece a coesão das práticas propostas, haja vista que a proposição foi fundamentada em base teórica conceitual e percebida por indivíduos que vivenciam a realidade do setor de TI.

Palavras-chave


Conhecimento, Gestão do Conhecimento, Conhecimento Organizacional, Práticas de Gestão do Conhecimento, Tecnologia da Informação.

Texto completo:

PDF



Informação & Sociedade: Estudos - ISSN: 1809-4783